-----Novembro - Regente 19:1
  Análise Numerológica para Novembro 2015     «Transportai um punhado de terra todos os dias e fareis uma montanha.»  Confúcio       19:10:1 – O Regente de Novembro 2015   Novembro, cujo regente numerológico é 19, está relacionada com o Arcano Maior do Tarot – o Sol.   Tal como anunciado no mês precedente, é tempo de trazer à luz / consciência, muitas questões que têm estado na sombra do inconsciente e que, precisamente, em Outubro, tiveram a oportunidade de ser vistas, pois começaram a emergir com bastante notoriedade.   Para quem se alinha com as forças da Natureza, com os seus ritmos e ciclos, é relativamente fácil sentir estas influências, tanto no corpo, como na mente, tanto a nível emocional, como espiritual.   O nosso corpo é inteligente e mostra-nos sinais evidentes, de querer seguir esses mesmos ritmos e ciclos. É óbvio, que para que isso suceda de forma clara e inequívoca é preciso praticar escutar o corpo. É preciso dedicação e paciência da nossa parte, para nos irmos conhecendo mais e melhor, e por consequência, vamos ganhando consciência do que somos.   Somos a Natureza em movimento, somos vida, somos alegria e ação consciente, se soubermos ser humildes, e nos sentirmos parte dela, em todos os momentos do nosso dia.   O Sol, e obviamente este caminho 19, recorda-nos que é necessário prestar atenção a tudo o que for surgindo no nosso consciente, seja através de uma conversa, uma memória, um livro, um filme, um sonho, um “insight”, enfim, seja o que for que nos ajude a despertar mais uma parte de nós e nos coloque diretamente em condição de a conhecer e integrar.   Quanto mais nos conhecemos, mais partes de nós integramos e mais condições criaremos para que novas oportunidades de aprendizagens e desenvolvimento surjam em nós e nas nossas vidas.   Este mês, proporciona, precisamente, esse momento de tomar contacto com partes de nós que ficaram algures perdidas no tempo e no espaço.   Existe uma tendência para nos sentirmos mais completos sob esta vibração 19. É como um ciclo que se abre e se fecha dentro de um outro ciclo que se está abrindo, que por sua vez está dentro de um outro ciclo que se está fechando.   Isto pode parecer muito confuso para a nossa mente que gosta de coisas lógicas, mas é completamente suportado pela sabedoria da nossa alma, que de forma simples e inocente tudo integra e a tudo se abre para receber mais e mais energia divina de cura e de regeneração. Afinal, o que é mais importante para a nossa alma é cumprir a missão que em primeira instância a levou a aceitar a sua vinda a este Planeta. Mas voltando aos ciclos e só para que nos situemos, é bom recordar que temos estado sob a regência de um 8, ao longo de todo este ano 2015.   Estar sob a vibração de um 8 num ano universal, é indicador de que mais um ciclo de 9 anos se aproxima do seu fim. Mesmo quando trabalhamos com ciclos maiores como 10, 12, 13 anos ou mais, não podemos deixar de ver que tudo se encaminha para mais um fecho dentro de outros ciclos cada vez maiores, como o próprio século, o milénio e assim por diante.   De acordo com a nossa contagem encontramo-nos no século XXI (21 = 2+1= 3), 3ú Milénio da nossa Era, porém todos sabemos que a Terra é muitíssimo mais antiga e muitas outras Eras já ocorreram antes da nossa.   Quantos ciclos foram abertos e fechados? Quantos povos viveram sob este mesmo céu e sobre esta mesma superfície? Quantos desses povos dominaram outros, aproveitando-se, de forma inteligente, da ignorância dos segundos?   Sempre o Poder! O Poder de dominar, de subjugar, de sujeitar massas a um punhado de homens que se supunha serem superiores aos demais. Rouba-se Poder Pessoal às massas, através do medo, para se adquirir Poder sobre os outros e claro, obter muitos privilégios, sobretudo materiais.   A História (conhecida) está repleta de exemplos deste tipo e as tentativas (com bastante êxito, como sabemos) de dominar os mais “fracos” continuam até hoje.   Mas hoje, hoje, vivemos tempos diferentes, onde a mentira, os jogos de manipulação, a maldade, a crueldade, subsistem num momento em que de forma relativamente fácil são quase imediatamente identificados.   Os nossos níveis de consciência atingiram um certo nível de desenvolvimento que já não nos permite ficar a observar as injustiças dos homens encolhendo os ombros, como se isso não tivesse nada a ver connosco, como se fôssemos imunes a toda essa enfermidade que alastra pela Terra e que dizima pessoas, animais e florestas e que contamina os ares e as águas, impedindo-nos de viver numa natureza fresca, verde, agradável em sintonia com os nossos irmãos humanos, com os nossos irmãos animais e com as entidades mais antigas deste planeta: as pedras e as árvores.   Essa consciência só pode ser atingida quando percorremos muitas vezes o Caminho do Sol que nos desperta para a realidade em que estamos inseridos e compreendemos que nós fazemos parte da Natureza.   Que de uma vez por todas compreendamos no nosso coração, que nós não estamos aqui para ser os Senhores da Terra. Estamos aqui para ajudar este Planeta Azul a evoluir, juntamente com tudo o que ele contém, e ele, o Planeta Azul, contém entre muitos seres vivos – homens e mulheres! Sim! Nós fazemos parte da Natureza, portanto há que trabalhar dentro de nós essa franja da superioridade, do nosso ego que a tudo e todos quer dominar e que facilmente sucumbe ante esse poder, que na verdade, quando olhamos bem, não é poder nenhum.   O verdadeiro Poder Pessoal reside em aprendizagens constantes fazendo uso delas para o nosso próprio bem e para o bem da humanidade, para o bem de todos os seres vivos que coabitam neste mesmo espaço que conhecemos por Terra.   A Terra é a nossa casa, o nosso lar, mas é só por algum tempo. Como podemos ser tão arrogantes ao ponto de usar tão mal os poucos anos que aqui vivemos? Como podemos não nos permitir aprender a amar? Como podemos ser tão cruéis para os outros? Como podemos não perdoar? Quem julgamos que somos, quando somos impotentes ante uma doença? Ante a morte? Quando? Quando chegará o momento de olhar de frente para os nossos egos gigantes que um dia se apoderaram do nosso Trono de Ouro? Quando daremos a ordem direta a esse ego tirano para que esse belo Trono seja para sempre libertado, podendo então convidar a nossa alma, essa perfumada essência, a sentar-se nele? Que seja a nossa alma pura a dirigir a nossa vida, pois ela está em permanente contacto com Aquele Que Tudo É?   Que saibamos usar a energia do Sol, que ilumina tudo com os seus raios dourados e brilhantes. Que cada um desses incontáveis raios de Sol ilumine cada canto obscuro do nosso ser, limpando-o e perfumando-o com raras essências. Que cada raio de Sol nos devolva mais e mais consciência do que verdadeiramente somos e do que verdadeiramente estamos aqui para cumprir.     Em Profunda e Eterna Gratidão à Vida   Eva Vilela

Lisboa - Torres Vedras - São Pedro da Cadeira - Area - 258 m² Preço: 269.000 € Descrição - Moradia T4 isolada, inserida em urbanização muito tranquila localizada a 14 km do centro da vila da Ericeira.A moradia é composta da seguinte forma:- Piso 0 - hall de entrada, sala com 38 m2 com lareira com recuperador e acesso ao jardim, quarto / escritório com roupeiro, casa de banho social com base de duche, cozinha com ligação a garagem.- Piso1 - hall dos quartos, suite com 22m² com casa de banho com banheira e roupeiro com varanda, 2 quartos com roupeiro, sendo que um dos quartos dispõe de varanda, casa de banho de apoio aos quartos com banheira.Exterior: Jardim com relva artificial. Garagem com 37,80 m², alpendre coberto(*) com churrasqueira.Equipamentos cozinha equipada com placa gás, forno, micro-ondas, máquina de lavar loiça, máquina de lavar roupa, combinado, caldeira. Aquecimento central.(*) não consta no projeto* Toda a informação disponível não dispensa a confirmação por parte da mediadora bem como a consulta da documentação do imóvel. *Esta região, conhecida como zona saloia, permite desacelerar do quotidiano citadino mantendo um ritmo de vida agradável e um apetecível lifestyle.'Onde o mar é mais azul' ? Ericeira, foi eleita em 2018 a 2ª melhor freguesia de Lisboa para viver, estando em análise segurança, acessos e espaços de lazer. Entre costumes e tradições, a Ericeira é terra de marisco e surf.O 3º lugar foi atribuído à freguesia de Mafra, sede de concelho (atualmente com 11 freguesias).Uma vila rica em história, marcada pela construção do Palácio Nacional de Mafra, contudo voltada para as necessidades do dia-a-dia moderno.

Lisboa - Mafra - Mafra - Area - 630 m² Preço: 97.500 € Descrição - Lote plano para construção, com projeto aprovado para uma moradia isolada de dois pisos com 4 quartos, inserido numa aldeia pacata com ampla vista de campo, a cerca de 10 minutos das praias da Ericeira. Dispõe de licença a pagamento.Lote com área de 630 m2, que permite a construção de moradia isolada, com área bruta máxima de construção de 208,78 m2, tendo como área de implantação máxima de 108,62 m2, distribuídos em 2 pisos, permitindo ainda a construção de anexos, com área de 22,59m2.Lote inserido em urbanização sem projeto tipo, com infraestruturas, tais como: iluminação pública, saneamento básico.O projeto encontra-se aprovado com licença a pagamento.*A informação disponibilizada não dispensa a consulta de um técnico especializado e /ou parecer das Autoridades competentes. ** Toda a informação disponível não dispensa a confirmação por parte da mediadora bem como a consulta da documentação do imóvel. *Esta região, conhecida como zona saloia, permite desacelerar do quotidiano citadino mantendo um ritmo de vida agradável e um apetecível lifestyle.Localizada a cerca de 20 minutos de Lisboa, acessos: A8 e A21.'Onde o mar é mais azul' ? Ericeira, foi eleita em 2018 a 2ª melhor freguesia de Lisboa para viver, estando em análise segurança, acessos e espaços de lazer. Entre costumes e tradições, a Ericeira é terra de marisco e surf.O 3º lugar foi atribuído à freguesia de Mafra, sede de concelho (atualmente com 11 freguesias).Uma vila rica em história, marcada pela construção do Palácio Nacional de Mafra, contudo voltada para as necessidades do dia-a-dia moderno.

Largando a pele...

    Largar hábitos é tão difícil, mesmo sabendo que são nocivos, adiamos a decisão de os deixar ir. Mesmo depois de tomar a decisão não é fácil mante...

Massagem Toque de Cura

    A massagem é um conjunto de manipulações que actuam mecanicamente sobre o corpo, as quais consistem em friccionar ou comprimir a parte muscular o...

14/9/2017 = 24:6

  O caminho para a cura e harmonização de processos adiados depende da intensidade que se coloca na vontade de mudar desde dentro.   A doce transform...

Partners
Ultimas fotos

Lisboa - Mafra - Ericeira - Area - 209 m² Preço: 650.000 € Descrição - Edifício na Praça Principal da Ericeira.Excelente oportunidade de investimento.Edifício composto por 3 pisos com duas utilizações independentes:- R/C ? estabelecimento comercial tendo área de atendimento ao publico e zona de arrumos.- Piso 1 ? corredor, sala, cozinha, 3 divisões e casa de banho.- Sótão - sala, 2 divisões e terraço (sótão não se apresenta descrito na documentação).* Toda a informação disponível não dispensa a confirmação por parte da mediadora bem como a consulta da documentação do imóvel. *

Leiria - Alcobaça - Pataias - Area - 80 m² Preço: 450 € Descrição - Apartamento T2, como novo, boas áreas, vistas desafogadas, junto a todos os serviços.MARQUE A SUA VISITA!

Inspiration Site